10 perguntas para avaliar um provedor VoIP

10 perguntas para avaliar um provedor VoIP


Na hora de escolher o seu provedor VoIP é fundamental que sua empresa tenha em mãos uma lista de exigências e requisitos. Existem operadoras piratas, revendas sem estrutura própria e operadoras que não possuem a qualidade e estrutura confiável que sua empresa precisa. Nesse texto apresentamos 10 perguntas que você deve fazer na hora de avaliar uma operadora de telefonia IP.

Artigo5_a

Conheça os 10 requisitos de uma operadora VOIP confiável

Não corra o risco de contratar uma operadora que não atenda às exigências de qualidade e legais que sua empresa e seus clientes merecem. Sempre faça essas dez perguntas.

1. Onde estão hospedados os servidores da empresa?

A maioria das operadoras usa servidores fora do país ou data centers locais de baixa qualidade. Isso significa menor segurança, risco de não disponibilidade e maior latência (no caso de servidores estrangeiros). A TW Solutions utiliza o melhor servidor do país, a EQUINIX (ALOG).

2. Há quanto tempo existe a empresa?

Empresas novatas e sem experiência representam riscos. Valorize provedores VoIP com tempo de mercado e experiência na prestação de serviços de telecom.

3. Presta algum outro tipo de serviço além da telefonia?

Além do serviço de telefonia, algumas empresas também fornecem aluguel de equipamentos de comunicação, consultoria e assessoria na área, serviços de reparo e manutenção e desenvolvimento de softwares. Um provedor com esse leque facilita a sua vida e pode oferecer pacotes de serviços mais interessantes do que a concorrência.

4. Possui local físico para atender seus clientes em reuniões?

Fundamental possuir um local adequado para receber os clientes e discutir propostas e problemas.

5. Possui suporte 24/7?

Sua rede de telefonia VoIP não pode ficar à espera de seu provedor entrar em horário de expediente, não é mesmo? Suporte 24/7 (24 horas e 7 dias por semana) te dá a segurança de que qualquer problema será resolvido em tempo hábil.

Artigo5_b

6. Possui Softphone próprio ou usa Gratuito?

Muitas empresas utilizam softphones gratuitos disponíveis na internet. Uma empresa que possui Softphone próprio pode oferecer um serviço customizado e suporte de maior qualidade. Além disso, é um forte sinal de maturidade técnica da empresa.

7. Consulte o CNPJ da empresa e verifique se o CNAE é realmente de uma empresa autorizada TELECOM.

Não trabalhe com aventureiros. O mar está cheio de piratas e barcos furados. Consulte o CNPJ de seu provedor e tenha certeza que se trata de uma empresa de telecom devidamente autorizada.

8. Verifique se a empresa emite notas fiscais dos serviços prestados.

A nota fiscal possui as informações que asseguram o seu direito na hora de entrar com uma reclamação nos Órgãos de Defesa do Consumidor.

9. Verifique se a empresa possui as Licenças necessárias para operar como empresa VoIP – (SCM e STFC) – ANATEL.

Sem as licenças SCM e STFC a operadora não é autorizada a oferecer serviços de telefonia IP. Os riscos de contratar um provedor pirata não compensam.

10. Verifique se a numeração é própria ou usa estrutura de terceiros.

Empresas que utilizam estrutura de terceiros não oferecem a mesma confiabilidade e suporte de empresas que possuem numeração própria.

Compare a TW solutions com a concorrência

Faça as 10 perguntas fundamentais para saber a qualidade de um provedor VoIP para a TW solutions! Além das respostas serem todas positivas, você vai descobrir que nossas ofertas são acessíveis e temos pacotes diferenciados para cada tipo de empresa. Compare a TW solutions com a concorrência e descubra!

2018-11-23T18:43:46+00:00segunda-feira, 10 abril 2017|Telefonia VoIP|0 Comentários

Sobre o Autor:

Trabalha com sites, SEO e produção de conteúdo para a web. Em 2011 criou a Pandartt e hoje assume a direção da agência. Paralelamente, tem outros quatro projetos: Mapa dos Bichos, Viva Com Felicidade, O Nexxus e BlogGeek.

Deixar Um Comentário