3 problemas que causam a má qualidade da chamada VoIP e como eliminá-los

3 problemas que causam a má qualidade da chamada VoIP e como eliminá-los


Existem muitas formas das empresas economizarem dinheiro, principalmente no que diz respeito aos serviços de telefonia. Com a tecnologia VoIP, as chamadas são feitas utilizando a Internet e não mais as linhas tradicionais e, por isso, são muito mais baratas. É muito importante sempre ficar atento ao que pode causar má qualidade da chamada VoIP. Entenda a seguir como evitar esse tipo de problema.

 width=

A praticidade da tecnologia VoIP é muito grande. A instalação não requer grandes engenhosidades, tornando-se simples como conectar um telefone a uma tomada de rede e os aplicativos presentes no mercado possibilitam que você tenha um número VoIP em qualquer dos seus dispositivos.

Mesmo com todos esses benefícios encontrados neste tipo de tecnologia, ainda é comum encontrarmos problemas de comunicação por falta de conhecimento dos seus usuários.

Veja, a seguir, 3 problemas que causam a má qualidade da chamada VoIP e veja o que fazer para eliminá-los.

1. Problemas de Conectividade

Você pode não acreditar, mas os principais motivos para a má qualidade da chamada VoIP estão na distribuição da sua banda larga. É isso mesmo. Quando você tem muitos serviços utilizando a sua banda larga, a qualidade da sua chamada é prejudicada.

As conexões e planos de internet em nosso país, infelizmente, não estão preparados para aguentar um volume muito grande de tráfego em uma mesma banda larga. Serviços como downloads diversos, leitura de e-mails e até mesmo a transmissão de vídeos podem deixar a sua internet extremamente lenta e, consequentemente, a sua chamada VoIP totalmente prejudicada.

Para você ter menos problemas como esse, basta contratar um plano maior e mais rápido de internet. Pacotes de internet destinados exclusivamente para empresas são considerados um forte requisito para se ter uma tecnologia VoIP.

2. JITTER

A comunicação feita com a tecnologia VoIP utiliza a internet. Ela viaja em uma rede interna e posteriormente se divide em pacotes. A matemática é simples: se esses pacotes não forem distribuídos da forma correta, a comunicação será prejudicada, tendo como consequência o corte dos áudios recebidos.

O JITTER consiste exatamente nessas falhas recebidas nos áudios, como atrasos e cortes, gerando má qualidade no som.

A solução para esses casos é muito simples: basta configurar o buffer do JITTER. Com essa configuração que atrasa os pacotes recebidos intencionalmente, os usuários recebem na ordem correta todos os áudios.

 width=

É importante que essa configuração do buffer seja feita de forma correta. Caso o buffer seja muito pequeno, pode ocorrer de alguns pacotes ficarem destacados quando ele estiver cheio. Já os buffers muito grandes causam também um atraso adicional desnecessário.

O melhor, sem dúvida, são os buffers adaptativos, pois eles permitem que você faça uma definição precisa de um intervalo dinâmico, ou seja, ele aumenta apenas quando necessário.

3. Problemas de Rede

Este problema pode parecer bobo, mas acredite, não é! Possuir equipamentos desatualizados são as principais causas de má qualidade da chamada VoIP.

Roteadores, modems, firewall e alguns outros equipamentos encontram-se, na maioria das vezes, totalmente desatualizados. Este é um dos menores problemas. Para corrigir, basta atualizar o firmware no hardware da sua rede.

Caso essas atualizações não tenham ajudado na sua comunicação, então é necessário fazer a substituição do hardware.

Lembre-se de configurar o seu roteador corretamente para que ele lhe dê a máxima qualidade nas chamadas.

Site TW Solutions

2018-11-23T18:51:33+00:00quarta-feira, 6 setembro 2017|Telefonia VoIP|0 Comentários

Sobre o Autor:

Trabalha com sites, SEO e produção de conteúdo para a web. Em 2011 criou a Pandartt e hoje assume a direção da agência. Paralelamente, tem outros quatro projetos: Mapa dos Bichos, Viva Com Felicidade, O Nexxus e BlogGeek.

Deixar Um Comentário